INICIAL

Notícias Contato Consultor Publicidade Cadastre-se Mapa do Site

Mulher


Saúde

Psicologia

Cultura

Beleza

Moda

Esportes

Espiritualidade

SExualidade


Profissional


 Trabalho
Comportamento
Marketing Pessoal
Motivação

Dona de Casa


Decoração

Imóveis

Jardinagem

Manutenção

Finanças

ARTIGOS & LINKS
Dicas
Receitas

Finanças


Em Família


Filhos

Educação

Festas


Na Sociedade


Comportamento

Direitos

Entretenimento

Etiqueta

Filantropia

Turismo


Variedades


Lojas Virtuais

Tudo na Internet

Pets

Links


Agradecemos

sua visita


 

Por que os remédios têm hora?

Assim como a natureza tem seus ciclos e horários, o corpo humano também tem um mecanismo, popularmente chamado de relógio biológico, que regula as suas necessidades. Esse mecanismo vem sendo estudado há séculos por médicos e cientistas e, recentemente, despertou interesse particular pela Medicina.

Médicos e cientistas acreditam que a combinação do horário da administração dos remédios com as variações rítmicas e bioquímicas do organismo pode aumentar a eficácia do medicamento.

Medicamentos muito tóxicos para combater o câncer podem ter seus efeitos colaterais reduzidos se observada o relógio biológico. "De manhã, os tumores são mais sensíveis à ação das drogas. Nesse período, podem-se usar doses menores e reduzir os efeitos adversos", diz Roberto DeLucia, professor de farmacologia da Universidade de São Paulo, que há vinte anos estuda a relação entre a ação dos remédios e o relógio biológico.

Crises asmáticas são mais freqüentes durante a madrugada, quando os brônquios se contraem e os hormônios antiinflamatórios atingem o nível mais baixo. Assim, a medicação pode ser dosada mais adequadamente, diferenciando entre o dia e a noite.

De acordo com DeLucia, aspirina e antiinflamatórios em geral devem ser ingeridos à noite, quando o estômago está mais protegido contra irritações gástricas.

A maioria dos infartos ocorre entre as 6 e as 8 horas da manhã. "Nesse período do dia, o corpo produz mais hormônio adrenalina, e isso acelera os batimentos cardíacos, fazendo com que a pressão suba", explica o cardiologista Maurício Wajngarten, chefe do departamento de cardiogeriatria do Instituto do Coração, de São Paulo. "Além disso, os vasos sanguíneos ficam mais estreitos, propiciando a formação de coágulos. Juntos, esses fatores fazem com que os ataques cardíacos sejam mais freqüentes pela manhã”.

O cérebro emite uma série de comandos regulares para o organismo, dependendo da hora do dia ou da noite. Por exemplo, antes do café-da-manhã, o estômago acelera a produção de enzimas digestivas. Depois do entardecer, a glândula pineal aumenta a secreção de melatonina, preparando o organismo para o relaxamento e o sono.

Esses processos explicavam apenas o comportamento humano. Hoje ele é usado também na cura e prevenção de doenças.

Veja detalhes no quadro abaixo.

 

Horário
Detalhes
das
0 às 2 horas
Nascimento: É grande a probabilidade de as grávidas entrarem em trabalho de parto devido ao aumento da produção do hormônio feminino progesterona, que dá início ao processo.
Dor: Quem sofre de gota tem os piores ataques nesse horário porque o nível de ácido úrico no sangue aumenta.
das
2 às 4 horas
Asma: Ataques de asma são mais freqüentes nessa hora porque os níveis de adrenalina, que relaxa a musculatura dos brônquios, e alguns hormônios antiinflamatórios atingem o nível mais baixo no organismo. Bexiga: Pouca gente se levanta da cama para ir ao banheiro nesse ponto da madrugada porque o hormônio vasopressina, que diminui o fluxo urinário e a atividade da bexiga, está especialmente ativo.
das
6 às 8 horas
Gravidez: É um ótimo horário para tentar engravidar porque o nível de testosterona, responsável, pela libido, está no ápice. Infarto: As estatísticas mostram que a maioria dos infartos ocorre nesse horário. Isso acontece porque a pressão sanguínea e a temperatura corporal começam a subir e tem início a produção do hormônio adrenalina, que acelera o ritmo dos batimentos cardíacos.
das
8 às 10 horas
Comida: É uma ótima hora para uma refeição farta porque o sistema digestivo trabalha na carga máxima. O metabolismo está mais ativo de manhã, e isso faz com que o corpo retenha e acumule menos gordura.
das
10 às 12 horas
Energia: O nível de glicose está alto, proporcionando energia à mente e ao corpo. Bom horário para fazer uma entrevista de emprego ou um exame escolar. AVC: A pressão sanguínea atinge o pico nessa hora, aumentando o risco de acidente vascular cerebral.
das
13 às 15 horas
Menos dor: Quem sente dores crônicas sofre menos nesse horário porque a produção de endorfina, neurotransmissor responsável pelo alívio da dor e pelo relaxamento do corpo, atinge o nível máximo.
das
16 às 18 horas
Exercício: Bom horário para praticar exercícios físicos porque a temperatura e os níveis de adrenalina, hormônio que deixa a mente e o corpo em estado de alerta, aumentam.
das
19 às 21 horas
Sono: Com o crepúsculo, o corpo inicia a produção de melatonina, que induz ao estado de relaxamento e, depois ao sono.

Extraído de reportagem "A hora do Remédio", de Ariel Kostamn, publicada na edição nº 1887 da Revista Veja.

.

 

 

Conheça a premiação recebida pelo Mulher de Classe

Fale direto

com toda Mulher de Classe

Clique AQUI.

Escolha o assunto. Lá estará uma

Mulher

de Classe

INFORME-SE.

Mercado qualificado?

Mulher

de Classe

é o principal.

CONHEÇA.

Informação,

sensibilidade

e muito bom gosto. Tudo

reunido numa

Mulher

de Classe

DECIDA JÁ.

Relação entre custo/benefício

é padrão na

Mulher

de Classe

FALE COM ELA!

Seja profissional,

estudante ou dona de casa, ela sempre será

Mulher

de Classe

FALE COM ELA!