Espiritualidade

Como falar de espiritualidade? Talvez começando pelo radical da palavra – espírito.

Espírito, segundo definição do Dicionário Aurélio, é a parte imaterial do ser humano, a alma.

E alma? Qual a definição para alma?

Ainda, utilizando o Dicionário Aurélio, temos:

Princípio de vida. Entidade a que se atribuem, por necessidade de um princípio de unificação, as características essenciais à vida e ao pensamento. Princípio espiritual do homem concebido como separável do corpo e imortal. O conjunto das funções psíquicas e dos estados de consciência do ser humano que lhe determina o comportamento, embora não tenha realidade física ou material; espírito. Sede dos afetos, dos sentimentos, das paixões. Sentimento, generosidade, coração. Condição primacial. Essência.

Grosseiramente, podemos dizer então, que espiritualidade é a atividade através da qual trabalhamos ou desenvolvemos o nosso espírito, a nossa alma.

As pessoas criaram inúmeras formas de trabalhar o espírito. Existem hoje incontáveis religiões, crenças, seitas, filosofias, magias, sociedades secretas, organizações e até ciências que tratam do espírito.

O esoterismo, por exemplo, é uma das atividades mais populares no momento e, mais do que uma atividade, ele é um grupo de atividades que vão da cartomancia até astrologia, passando pelos anjos, vidência e muito mais.

Dentre as religiões, os crentes têm conquistado cada vez mais adeptos e espaços nos meios de comunicação.

Enfim, há lugar para todos. Basta escolher.

Talvez, seja necessário conhecer. Essa é a nossa proposta. Aos poucos vamos divulgar aqui as formas de trabalhar nosso espírito – religiões, crenças, filosofias etc.

No momento estamos apenas começando. Venha conosco. Os links é que nos levam.