Como praticar a organização

Há algum tempo, publicamos um artigo intitulado “O Prazer da Organização“.
Ali foram colocados os primeiros passos, a estrutura de qualquer organização. Como prometido naquela ocasião, voltamos agora com mais algumas dicas importantes e práticas.

Lembre-se sempre de que a organização deve fazer parte da sua vida, pois onde ela faltar, as coisas vão desaparecer, o tempo irá se perder e a angústia e o desgosto vão dominar os seus pensamentos. Certamente, não é isso que você quer para o seu dia-a-dia, não é mesmo?

Ótimo! Então vamos lá:

  1. Tenha em mente que a organização não é apenas um momento, um lugar, ou um aspecto. Ela é um modo de viver. Deve ser aplicada a tudo na sua vida, uma vez que tudo pode ser organizado ou desorganizado.
  2. Organizar nada mais é do que reconhecer que cada coisa tem seu lugar. Uma vez aceita essa verdade, basta respeitá-la. Em palavras mais objetivas: sapatos no lugar dos sapatos, documentos no lugar dos documentos, alimentos no lugar dos alimentos, chaves no lugar das chaves, e por aí vai.
  3. Se você vai começar a se organizar agora, vá com muita calma. Eleja o seu primeiro desafio, mas seja cuidadosa nessa escolha, pois se você optar por cuidar de uma área que está muito complicada, poderá se sentir derrotada e tenderá a desistir logo no início.
  4. Vencidas as etapas acima, você poderá olhar para o seu trabalho e fazer críticas, ajustes, mudar detalhes e, enfim, dizer para si mesma “AMEI!!!”
    Quando isso acontecer, você estará pronta para escolher o próximo desafio.

O primeiro passo desse trabalho deve ser a PENEIRA. Peneirar significa esvaziar o ambiente a ser organizado, selecionar os itens que devem ficar, acomodar em sacos aqueles que devem ser descartados e, da mesma forma, separar em sacos ou caixas os ítens que poderão ser doados.

Feito isso, detenha-se nos itens que ficaram e classifique-os por categorias. Considere que, dentre os itens que ficaram, poderá haver os que não terão lugar nessa nova organização, podendo pertencer a outro local ou outro ambiente.

Pense em utilizar caixas organizadoras e separadores para te ajudar. Etiquetas de identificação também são muito úteis para facilitar a localização dos objetos e garantir que eles voltem para seus lugares.
Acomode tudo pensando em tornar o ambiente agradável e harmônico. Use suas cores e materiais preferidos. Deixe aflorar a sua “veia de decoradora” para dar um toque especial à sua organização.

 

 

 

Muito importante:

  • NÃO TENHA PRESSA! Um ditado antigo já diz – a pressa é inimiga da perfeição.
    É claro que detalhes mal arrumados sempre poderão ser aperfeiçoados. Mas, depois da primeira repassada, cada nova correção poderá desvalorizar seu trabalho e te desanimar.
  • NÃO ESQUEÇA DOS ITENS RESERVADOS para descarte e para doação. É comum deixar essas tarefas para depois. Muitas vezes, porém, esses itens ficam se acumulando e poderão dar início a uma nova bagunça. Fique atenta para evitar essa armadilha!

Persiga, de forma determinada, aquele momento de olhar seu trabalho de longe e poder dizer AMEI!!!!

Agora, é mãos à obra e SUCESSO, menina!!!

Fotos: mulherdeclasse.com.br e how to organize your closet