Faça de 2011 o seu ano novo.

Levante a cabeça, acredite,
vá em frente e vença a fera.
Você pode!

Aqui você encontra muitas dicas.

INICIAL

Consultor
Notícias

Cadastre-se

Contato

Publicidade

Mapa do Site


Mulher


Saúde

Psicologia

Cultura

Beleza

Moda

Esportes

Espiritualidade

SExualidade


Profissional


 Trabalho
Comportamento
Marketing Pessoal
Motivação

Dona de Casa


Decoração

Imóveis

Jardinagem

Manutenção

Finanças

ARTIGOS & LINKS
Dicas
Receitas

Finanças


Em Família


Filhos

Educação

Festas


Na Sociedade


Comportamento

Direitos

Entretenimento

Etiqueta

Filantropia

Turismo


Variedades


Lojas Virtuais

Tudo na Internet

Pets

Links


Agradecemos

sua visita


 
Networking:
como anda sua rede de relacionamentos?

Paloma Brito

      Termo muito em voga pode esconder ainda algumas dúvidas entre os profissionais. Afinal, o que realmente é entendido por networking?
      Trata-se da sua rede de relacionamento, contatos que você conheceu, mas que não necessariamente se tornaram seus amigos, e que lá na frente poderão ser de grande utilidade.
      Manter uma ampla rede de contatos é de grande importância para o crescimento de qualquer profissional, além de ser sempre um grande aprendizado conviver com a diversidade, pessoas que certamente terão algo a trocar com você.

Bom para você, bom para a empresa
      Isto mesmo. Para uma empresa, manter em sua equipe um profissional bem relacionado e com uma boa imagem no mercado será sempre uma vantagem. Mas não vale investir em situações ou relações "forçadas". Tudo deve ser muito natural.
      A dica aqui é, por exemplo, freqüentar lugares e eventos, fora do seu expediente, que poderão lhe proporcionar condições para uma rede de contatos. Mas desde que isto lhe interesse de fato. Caso contrário, você irá encarar o evento como tarefa de trabalho e será apenas taxado como um viciado em trabalho. O ideal é casar o útil ao agradável.

Dose de bom senso
      Estamos tratando de reconhecimento de oportunidades que devem ser sempre aproveitadas. Mas também não podemos restringir tais relações ao oportunismo e nem pensar que todo contato se tornará um amigo íntimo. Os extremos aqui são descartáveis. É preciso uma boa dose de bom senso.
      Quando tratamos dos contatos mais próximos, estar sempre por perto se torna essencial. Neste caso, uma boa prática é enviar um cartão de Natal e de aniversário, por exemplo.
      Apenas tenha cuidado para não insistir com alguém que sequer sabe de que profissional se trata. O cuidado servirá para que não seja rotulado como alguém superficial. Entretanto, é preciso atenção para não abusar da intimidade. As conversas com estas pessoas devem conter generalidades, pois tratar de assuntos polêmicos ou íntimos pode comprometer sua credibilidade.
 
Com quem estou tratando?
      Como estamos nos referindo a relacionamentos que irão favorecer sua trajetória profissional, nada mais prudente que classificar estes contatos. Tenha bem claro quem são aqueles que poderão lhe ser "úteis" na procura por um novo emprego. Ou aqueles que são ótimas fontes de informação de mercado, seu grau de influência, etc.
      A mensagem é uma só: trate bem a todos. Preserve os valores éticos para que seja possível estabelecer o famoso networking até com quem está na outra ponta: o seu concorrente. Assim, será possível ampliar as oportunidades de negócios para sua empresa.
Fonte: www.infomoney.com.br
selo